Artigos comentados
BEXIGA HIPERATIVA

Esse texto direcionado para os médicos urologistas e não urologistas apresenta um resumo simplificado das principais informações sobre a fisiopatologia da bexiga hiperativa. Discorremos sobre a definição, sobre a micção normal e sobre as principais causas. Há ainda muita pesquisa a ser realizada nesse campo. Esse texto é o primeiro de uma série que publicaremos sobre esse tema. Esperamos que seja útil.

A bexiga hiperativa é uma síndrome caracterizada como aumento de frequencia urinária, geralmente acompanhada de urgência miccional com ou sem urge incontinência. Quando a presença destes sintomas está associada à identificação de contrações involuntárias no exame urodinâmico, atribuímos à condição o diagnóstico de hiperatividade detrusora. Os sintomas de bexiga hiperativa podem estar presentes sem hiperatividade detrusora. A hiperatividade detrusora pode estar presente sem a presença de sintomas de bexiga hiperativa. Portanto, estes dois diagnósticos não são iguais. Bexiga hiperativa é um diagnóstico clínico (baseado nos sintomas) e hiperatividade detrusora é um diagnóstico urodinâmico (baseado no exame). E eles podem coexistir. O artigo resume os principais aspectos deste tema.

Continue lendo.

 


 

Principais Serviços
     
 
     
 
     
     
Áreas de Atuação
     
 
     
 


(11) 4121-7372 - Rua Mediterrâneo, 290 – sala 41 e 42
São Bernardo do Campo - SP